Caderno de Sábado

12/11/2020 - 18:00

Profissional dos games

Danillo Pain.

Danillo Pain é destaque em torneio latino-americano de Call of Duty, um dos jogos eletrônicos mais famosos do mundo

Dois dias de treino. Foi o tempo que o atleta de e-sports Danillo Pain precisou para se destacar em um torneio latino-americano do jogo eletrônico Call of Duty: Warzone, baixado por mais de 80 milhões de pessoas ao redor do mundo. Ele e seus companheiros de time ficaram em segundo lugar no Brasil e em terceiro no ranking geral do evento, posição que rendeu a eles uma premiação de R$ 11 mil.
A competição foi organizada pela Activision, a empresa desenvolvedora do jogo, e reuniu 10 equipes, cinco brasileiras e cinco latino-americanas, entre os dias 27 e 28 de outubro. Ela foi transmitida pelos influenciadores Alice Gobbi, Peter “Ogro” Thorun e Thaue Neves, que juntos somam mais de 200 mil inscritos em seus canais no Youtube. Ao todo, a empresa distribuiu cerca de R$ 60 mil em prêmios.
O evento teve início em uma terça-feira e Danillo recebeu o convite para participar na segunda pela manhã. O pouco tempo não impediu que o seu time, formado com os jogadores StolenBR e Pietro Garcia, atingisse a segunda maior pontuação – o grupo só não conquistou o vice-campeonato porque o regulamento não permitia que dois times do mesmo país recebessem as duas maiores premiações. Entre os seus adversários, estavam o influencer Zigueira, que tem mais de 1 milhão de seguidores, e o player NinexT, considerado um dos melhores do mundo.
Filho e neto de proprietários de lojas de video games, Danillo mora em Flores da Cunha há 15 anos e é apaixonado por jogos desde criança – prova disso é uma foto de seu pai lhe entregando um controle quando ele tinha apenas dois anos de idade. Atualmente com 21 anos, o jogador profissional de Warzone participa de competições desde os 13 e estima que ganhou cerca de 2 mil dólares em edições anteriores de Call of Duty.
Há dois meses, Danillo transmite suas partidas online na plataforma Twitch, onde já conta com mais de 3 mil seguidores e uma média de 100 espectadores por transmissão. “O que eu mais quero é viver disso, ter a minha carreira nos e-sports como minha fonte de renda principal”, diz Danillo, que compartilha vídeos diários, por volta das 20h, em um perfil chamado N4nofps, como ele é conhecido no mundo dos games. 
Em sua curta carreira de lives, Danillo já teve a honra de ver sua principal inspiração no ramo, Tony Boy, o chamar de melhor jogador de Call of Duty no controle do Brasil, em uma transmissão com cerca de 20 mil pesssoas. Com todo esse talento, não é difícil de imaginar que o futuro dele seja mesmo com o controle nas mãos e vários troféus na estante.

Por

Compartilhe esta notícia:
Danillo Pain.  - Divulgação

Outras Notícias:

Nenhum Comentário

Deixe o Seu Comentário

Copyrights © 2021 Todos os direitos reservados por Jornal O Florense.