Uma pele saudável exige cuidado extra no inverno

28 de Junho de 2013 às 04:47

Confira algumas dicas selecionadas para evitar o ressecamento e a falta de oleosidade nesta época de temperaturas mais baixas

Embora o frio já esteja dando sinais há alguns dias, oficialmente o inverno começou no dia 21. E com as baixas temperaturas os cuidados com a saúde aumentam, acompanhados por algumas mudanças de hábitos. A pele também sofre com essa mudança de clima. No inverno ela fica mais ressecada, sem brilho, sensível e áspera e perde a oleosidade. Para evitar que isso aconteça, dermatologistas ensinam alguns cuidados básicos com regiões como o rosto, colo, mãos, pés, joelhos e cotovelos, áreas mais afetadas e que necessitam de cuidados redobrados.

Inclua a limpeza na rotina
São muitas as impurezas que podem ficar retidas na pele, por isso, à noite limpe a pele do rosto antes de dormir. A limpeza retira o acúmulo do dia e prepara a pele para a aplicação do hidratante. Durante o inverno, utilize sabonetes para peles sensíveis ou loções e géis de limpeza menos abrasivos.

Evite banhos muito quentes
A água quente retira a pouca gordura que resta na pele durante o frio. Essa gordura serve como proteção natural da pele – o banho ideal é com água morna. A utilização de esponjas está liberada para o corpo já que ela auxilia na eliminação de células mortas, porém, elas devem ser mais macias para não agredir a pele. Para lavar o rosto utilize sempre água fria e sem esponjas.

Use o inverno a seu favor
Com os cuidados extras que a pele requer durante o inverno, o período é marcado também pela menor exposição solar, tornando-se o melhor período do ano para realizar tratamentos faciais profundos para manchas, rugas, marcas de expressão e de acnes. Por isso, com a ajuda de um bom profissional, aproveite para renovar sua pele.



Não se esqueça dos pés
Nas baixas temperaturas é comum as pessoas optarem por meias mais grossas para esquentar os pés e sapatos fechados, mas é importante dar uma atenção extra a eles. Cuidado para não machucar a curvatura da unha com o espaço do sapato sendo disputado com a meia grossa; opte por calçados maiores. Depois do banho é importante secar bem os pés e no meio dos dedos. Use papel higiênico ou um papel toalha, pois se a pessoa tiver algo nos pés, secando com a toalha de banho, ela pode passar alguma doença para o corpo. Outra dica para manter os pés bem cuidados é fazer uma esfoliação após o banho e passar um hidratante uma vez por semana.



Abuse dos cremes hidratantes e da água
Investir em uma boa hidratação, com hidratantes de qualidade, é o principal cuidado no inverno. Mas outra maneira de hidratação também é muito importante: a água. Durante o inverno é fundamental tomar bastante líquidos – água, chás ou sucos, o importante é manter a pele hidratada por fora e por dentro. Os óleos corporais não hidratam a pele (eles impedem a perda de água da pele, retendo a umidade da superfície). Quando for utilizá-los, o hidratante deve ser passado primeiro e somente depois o óleo.



Escolha o produto para a sua pele
Antes de escolher um hidratante verifique seus princípios ativos e sua composição, sendo que o ideal é consultar um especialista que vai indicar o produto certo para o seu tipo de pele. Produtos à base de ureia, vitamina C, ácido hialurônico, oligoelementos ou alantoína têm alto poder de hidratação e os com aquaporine melhoram a circulação da água entre as células, reforçando a reserva natural na pele, restaurando a hidratação, elasticidade e maciez. Para quem ainda no inverno se preocupa com excesso de oleosidade, existem os hidratantes oil free, modernos, sem uso de óleos em sua composição, mas com bom poder de hidratação.

Fonte: artigo de Jakeline Di Rodrigues (pós-graduada em dermatologia).

Tweetar

Imagens:

0 comentários



Ainda não há comentários. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário