Quatro caminhões furtados são abandonados em Flores da Cunha

30 de Dezembro de 2017 às 11:39

Veículos foram localizados pela Brigada Militar. Além disso, foi registrado o furto de um micro-ônibus e o arrombamento de um bar

Quatro caminhões furtados em cidades da região foram abandonados por criminosos em Flores da Cunha, sendo que três casos ocorreram ontem, sexta-feira, dia 29 de dezembro. O primeiro fato aconteceu às 9h50min na Rua Pescara, em São Gotardo. No local a Brigada Militar (BM) localizou um caminhão Mercedes-Benz 710, placas IJQ-5676, que fora furtado em Ipê. 

Duas horas depois, na Rua Siena, também em São Gotardo, PMs localizaram um Mercedes-Benz 912 placas IHO-9429. O veículo estava em ocorrência de furto - a BM não informou de onde ele fora furtado. Às 21h, na Linha 60, a BM foi informada sobre o caminhão Volkswagen 8120 placas JQZ-0314, estacionado no pátio da Igreja da capela. No local os PMs encontraram caixas de mercadorias abandonadas e o caminhão vazio. 

Na quarta-feira, dia 27, PMs localizaram no pátio de uma empresa desativada da Linha 80 um caminhão Volkswagen 8120 de cor branca que estava em ocorrência de furto. O vigilante do local avixou à Brigada que o cadeado do portão foi danificado para que o espaço fosse invadido. Todos os veículos foram recolhidos ao guincho.

Em outra ocorrência atendida pela Brigada de Flores da Cunha na sexta-feira, dia 29, um homem informou que seu micro-ônibus Mercedes-Benz Sprinter ano 1998 de cor branca que estava estacionado na Rua da Paz, no bairro Granja União, foi levado por bandidos por volta da 1h30min. PMs realizaram buscas, porém, o veículo não foi localizado.

Também na sexta-feira, por volta das 14h40min, a proprietária de um bar acionou a BM para informar que seu estabelecimento fora arrombado, provavelmente durante a madrugada. Ela contou que saiu do local às 2h e ao retornar às 14h encontrou a grade de uma janela danificada. No bar os bandidos quebraram uma máquina e fugiram com R$ 800.

 

Tweetar

Imagens:

0 comentários



Ainda não há comentários. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário