Documentário ‘Legado Italiano’ é produzido na Serra

Por Larissa Verdi – Larissa@jornaloflorense.com.br | 02 de Novembro de 2017 às 12:16

Depoimentos são gravados em sete municípios, incluindo Flores da Cunha

Mais uma vez, a Serra Gaúcha e a história da imigração italiana e do cultivo da uva e a produção de vinhos são cenários para um documentário. O projeto Legado Italiano é liderado pela jornalista e cineasta carioca Márcia Monteiro, em parceria com Elton Menezes. O trabalho pretende revisitar as importantes heranças culturais deixadas pelos imigrantes, como o trabalho, a religiosidade, a música, o dialeto e a culinária, entre outros. “Quando comecei a frequentar a Serra, questionava o motivo da minha admiração por esta região e sua gente. Assim nasceu o sonho do filme que começa a tomar forma e se desdobra nos inúmeros legados deixados ao longo destes 140 anos de história”, declara. Márcia assinou a direção de arte da novela Além do Tempo, que também teve cenas gravadas na região.

O documentário tem coprodução da Globo Filmes e deverá ter cenas gravadas em Caxias do Sul, Garibaldi, Bento Gonçalves, Farroupilha, Flores da Cunha, Vila Flores e Monte Belo do Sul. Alguns depoimentos estão sendo colhidos, como o do pesquisador e escritor florense Floriano Molon. A equipe retorna à Serra em janeiro para registrar a colheita da uva, e em maio, na Romaria de Caravaggio. O filme também terá imagens das regiões do Vêneto e do Trento, na Itália.

Tweetar

Imagens:

0 comentários



Ainda não há comentários. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário